Atrás de uma porta fechada

*Na escuridão de sua cela, já não vive!**O QUE É VIDA?*

Diário de um perdido

Posted by Julian Elli em 2007/02/26

Enternecido coração, que de tão covarde se faz duro.

Faz-me rir este meu jeito egoísta e ilusório de viver.

Nunca soube o que é desgraça. Nunca precisei humilhar-me e nem barganhar a dignidade!

O mundo para mim é descrito em palavras, como se estas pudessem dizer tudo o que há para ser revelado.

Praticamente todas as perguntas que faço estão erradas, e as respostas, talvez corretas.

Mas o que posso fazer, quando não tenho um ponto aonde fixar meu olhar, e nem uma base firme para caminhar sem medo, ou ainda, a utopia de uma vida digna e sublime?

Tantas questões… Quem dera existisse uma resposta definitiva que respondesse todas elas.

Não há mapas, bússolas ou estrelas que me ponham de volta ao curso, deveras transviado.

Encontro-me perdido no meu próprio ser, afogando-me num turbilhão de pensamentos obscuros e revolucionários.

Cansei-me de nada fazer da vida. Já que ela por si só fede, preciso de grana para comprar um bom perfume!

Labirinto da alma

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: